#aleatoriedades: Todos os espaços

“Não coloque sentimentos nos outros que você não possa suprir”. Ouvi essa frase enquanto assistia um vídeo. Aquilo me faz pensar durante alguns dias. Eu finalmente calei os meus sentimentos, decidi deixá-los sufocados como nunca fiz afim de preservar o resto de amor próprio que ainda me sobrava. Mas eu não queria.

As vezes não enxergamos coisas que estão na nossa frente, ou ao que parece, preferimos apenas não ver. Dói menos, machuca menos e é melhor deixar de lado. Eu fui contra tudo o que eu acreditava, tudo que eu queria, mas isso não parece estar preenchendo esses espaços todos. Tentar esquecer não faz com que eu sinta menos falta.

E eu me pergunto até quando vamos fazer algo totalmente ao contrário do que sentimos. Até quando vamos parar de viver coisas que nos fazem bem.  Até quando tentar disfarçar, calar ou esquecer coisas que se sente?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s