Adeus.

Eu repassava todas as conversas para entender onde eu havia errado. Na verdade eu sempre segurei a culpa para mim de algum jeito. Mas eu estava ali, e foi mais fácil dizer que não era para ser ao invés de tentar. O amor não é para covardes.

Eu entendi que não dá para fugir de um problema quando ele está dentro de você. Você precisa drena-lo, colocar o dedo na ferida bem lá no fundo, esgotar todas as possibilidades. Eu esgotei.

Você foi o cara incrível para uma garota mais incrível ainda, que não deveria ter te esperado. A desilusão é mais dolorida quando você consegue enxerga-la. Eu enxerguei. Eu estou dolorida. Mas é hora de seguir em frente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
close-alt close collapse comment ellipsis expand gallery heart lock menu next pinned previous reply search share star